Vox Musei, uma nova revista sobre museus e património

Vox musei

Foto daqui

 Vox Musei é uma nova revista científica e de perfil internacional vocacionada para investigadores ibero-americanos. Publicada em Portugal, resulta de uma parceria entre o Centro da Investigação e de Estudos em Belas-Artes da Universidade de Lisboa (CIEBA) e o grupo de pesquisa brasileiro CNPq “Vox Musei arte e património” e “Memória, Ensino e Património Cultural” da Universidade Federal do Piaví.

Vox Musei foi também o título do congresso internacional “Arte, Património e Museus” realizado na Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa entre 20 e 22 de Junho de 2013, encetando novas pontes para o diálogo entre investigadores portugueses e brasileiros.

A revista, de carácter semestral, em suporte impresso e digital, teve o seu primeiro número publicado em Janeiro de 2013 e conta já com mais dois números. Os dois primeiros números foram dedicados à museologia e ao património numa perspectiva abrangente, sendo que o terceiro número foi dedicado à cultura fluvial e marítima. Os três números estão disponíveis aqui: http://www.ojs.ufpi.br/index.php/voxmusei (apenas 1 número) e aqui: http://www.fba.ul.pt/revistas/ (todos os números via ISSUU).

De acordo com Áurea da Paz Pinheiro (Universidade Federal do Piaví), directora da publicação, a Vox Musei pretende publicar “trabalhos inéditos, que versem sobre arte, património e museus, estudos que valorizem a memória social, identidades, organizações, reflexões sobre acesso, património, museus, públicos, educação, sociedade, acessibilidades e sustentabilidade, dentro outros objetos, temas, problemas e abordagens relacionadas”.

Desta parceria está ainda prevista a publicação de livros em formato digital no contexto da colecção Vox Musei Arte e Património. Nesta colecção publicar-se-ão “livros que sejam resultados de pesquisas acuradas, árduas e criteriosas. Estudos que dialoguem com conceitos e métodos da História, da Antropologia, da Etnologia, que usem a Etnografia e da História Oral, dentre outros conceitos e metodologias possíveis” (Áurea da Paz Pinheiro, entrevista, n.º 2 da Vox Musei).


Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *