Mesa-redonda em Serralves sobre "Arte na Periferia": 8, 9 e 11 de Nov.

O museu de Serralves promove um ciclo de conferências paralelas à exposição «Anos 80: Uma topologia». Esta exposição terá início na próxima sexta-feira, 10 de Novembro. Comissariada por Ulrich Loock e Sandra Guimarães, será a maior exposição em Serralves em 2006 e a maior jamais realizada sobre a arte produzida nos anos 80.

As conferências estão subordinadas ao tema “Arte na Periferia”. A 1ª conferência acontece esta quarta-feira, 8 de Nov.

Com moderação do alemão Julian Heynen, participam nesta mesa-redonda Ana Jotta e Julião Sarmento (Portugal), Eugénio Dittborn (Chile), Giorgios Hadjimichelis /Grécia), Gulsun Karamustapha (Turquia), Miroslav Balka (Polónia) e Tunga (Brasil), que falarão sobre as suas experiências de artistas em países periféricos.

«A passagem para os anos 90» é o tema da segunda mesa-redonda, no dia 9 de Nov, com moderação do austríaco Peter Pakesch.

No sábado (11 Nov.) decorre a 3ª conferência, que conta com a presença de Abigail Solomon-Godeau (Universidade da Califórnia) e Jean-Frannçois Chevrier (Escola Superior de Belas-Artes de Paris). Falar-se-á de «Teoria e crítica dos Anos 80».

Fonte: Diário Digital, 06/11/2006


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.