CONF sobre Património Imaterial: "Saberes e Técnicas: entre o registo e a transmissão", 27 Junho 2008

Procissão dos Pendões
©Ana Carvalho, 2007

A 4.ª conferência de um ciclo de colóquios dedicado ao Património Cultural Imaterial irá ter lugar no póximo dia 27 de Junho de 2008 no Ecomuseu Municipal do Seixal, desta vez subordinado ao tema: “Saberes e Técnicas: entre o registo e a transmissão”

Para além da salvaguarda de testemunhos físicos da actividade humana, o Museu tem por missão essencial a documentação dos processos que estão na origem desses objectos, constituindo tal conhecimento condição frequente para a adequada conservação dos mesmos.

Em determinados casos, o Museu assume-se mesmo como único garante da transmissão de saberes e modos de fazer relativos à utilização de equipamentos marcados pela obsolescência tecnológica e cuja relevância os deslocou em definitivo do domínio produtivo para o da história das técnicas.

Tais são os desafios com que se defronta um crescente número de museus, não apenas os dedicados ao universo da cultura tradicional popular em sentido estrito, o que mais directamente se constitui como objecto da Convenção da UNESCO para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial, mas muitos outros, na esfera da ciência das técnicas, da arqueologia industrial e da história local.

Constituindo a documentação e o registo de conhecimentos e técnicas uma das componentes primaciais da salvaguarda do Património Cultural Imaterial, no Colóquio serão colocados em confronto temas, projectos e metodologias de âmbito diverso, com vista à interrogação dos desafios, das possibilidades, mas também dos limites que se colocam a esse mesmo processo de salvaguarda.

Local: AUDITÓRIO MUNICIPAL DO FÓRUM CULTURAL DO SEIXAL

Programa:

09h30 | Recepção aos Participantes
10h00 | Abertura
10h20 | E se elas nunca tivessem existido? Reflexões sobre a Importância das Colecções de Ensino e Investigação nas Universidades, Marta Lourenço (Museu de Ciência-UL)
10h40 | ð < ACT: do Programa Interministerial de Tratamento e Divulgação do Património ao Arquivo Científico Tropical, Maria da Conceição Lopes Casanova (IICT)
11h10 | Técnicas Populares e sua Aprendizagem: o Caso da Etnomatemática, Darlinda Moreira (Universidade Aberta)
11h20 | Intervalo
11h40 | O Museu Anima-se: Vozes e Rostos dos Operários da Fábrica da Pólvora de Barcarena, Rogério Abreu e Laura Domingues (Antropólogos)
12h20 | Debate
12h40 | Intervalo para Almoço

EXTENSÃO DO ECOMUSEU MUNICIPAL DO SEIXAL
NA ANTIGA FÁBRICA DE PÓLVORA DE VALE DE MILHAÇOS

15h00 | Herança de um Meio Técnico e Valorização de um Capital de Saber-Fazer: da Pólvora à Vitalidade do Património Industrial em Vale de Milhaços, Graça Filipe (Directora do EMS), Fátima Sabino (EMS) e Fátima Veríssimo (EMS)

Visita conduzida por Graça Filipe (Directora do EMS) e Francisco Moura (Maquinista)

17h00 | Encerramento

Inscrição Gratuita (No entanto, é necessário proceder à inscrição)

Organização | Inscrições:
Instituto dos Museus e da Conservação
Departamento de Património Imaterial
Tel: 21-365 08 26/ Email: dpi@imc-ip.pt / www.ipmuseus.pt

Programa Ciclo
Programa Coloquio
Ficha Inscrição

————————–

As próximas conferências:

Terrenos Portugueses: O que Fazem os Antropólogos?
Faculdade de Ciências e Sociais e Humanas – 13 OUTUBRO 2008

Museus Globais: Colecções Etnográficas e Multiculturalidade
Museu Nacional de Etnologia – 28 NOVEMBRO 2008


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.