Arquivo de etiquetas: Amaia Arriaga

Call for Papers para o VI Fórum Ibérico de Estudos Museológicos

A imagem apresenta em grande plano uma escultura grega conhecida como a danlçarina de Budapeste

Statue of a girl (the Budapeste dancer), Museum of Fine Arts, Budapeste. Foto de Ana Carvalho

VI Fórum Ibérico de Estudos Museológicos: Novas Perspetivas de Investigação
Universidade de Évora, 24 e 25 de Novembro 2022

Call for Papers

Reconhecendo a pluralidade dos estudos museológicos, o VI Fórum Ibérico pretende contribuir para a discussão de projectos de investigação recentes ou em curso, em diversas geografias e contextos do panorama ibero-americano.

Aceitam-se propostas com abordagens históricas dos museus e da museologia, assim como as que contribuam para um entendimento contemporâneo da relação dos museus com a sociedade. São bem-vindas apresentações que, tendo como objeto de estudo os museus, tragam novos pontos de vista, o cruzamento de olhares interdisciplinares e o diálogo entre investigadores em diferentes fases do seu percurso académico e profissional.

Convidamos académicos, investigadores e profissionais de museus a apresentar propostas de comunicação de 20 min., em formato presencial, em português ou espanhol, focando um dos tópicos do Fórum.

Organização: CIDEHUS – Centro Interdisciplinar de História, Culturas e Sociedades da Universidade de Évora e IHA – Instituto de História da Arte da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade NOVA de Lisboa.

Entidades parceiras:
Direção-Geral do Património Cultural
Museu Nacional Frei Manuel do Cenáculo
ICOM Portugal
ICOM Espanha

Prazo para envio de propostas: 12 de Setembro de 2022

Mais informações em: https://viforumiberico.wixsite.com/2022

***

Sobre o Fórum Ibérico de Estudos Museológicos

Este fórum ibérico dedicado à museologia realiza-se desde 2017. É um espaço de partilha de investigação e reflexão em torno da história e dos desafios atuais da museologia. Pretende facilitar o intercâmbio de conhecimentos e projectos, fortalecer redes de comunicação e de colaboração, favorecendo a aproximação entre Portugal e Espanha, incluindo o mundo iberoamericano.

I Foro Ibérico de Jóvenes Investigadores – Museologías: Teorías, Contextos, Relatos, Experiencias, Retos, 18 Nov. 2017, Museo Nacional de Escultura, Valladolid. Ver publicação aqui.

II Fórum Ibérico de Investigação em Museologia: Os Museus e a(s) Sociedade(s) – Teorias, Contextos, Histórias, Experiências, Desafios, 13-14 Dezembro 2018, Museu Nacional Arte Antiga, Lisboa. Ver publicação aqui.

III Foro Ibérico de Estudios Museológicos: Historia de los Museos. Historia de la Museología, 18-19 Outubro 2019, Museo Arqueológico Nacional, Madrid. Ver publicação aqui.

IV Fórum Ibérico de Estudos Museológicos: Estratégias de Exposição – História e Práticas Recentes, 10 Dezembro 2020, Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto. Ver publicação aqui.

V Fórum Ibérico de Estudos Museológicos: Autores e Textos Críticos em Espanhol e Português, 21-22 Outubro 2021, IAACC Pablo Serrano, Zaragoça. Publicação no prelo.

V Fórum Ibérico de Estudos Museológicos junta investigadores para debater a história da museologia

V Fórum Ibérico de Estudos Museológicos

A 22 e 23 de Outubro realiza-se o V Fórum Ibérico de Estudos Museológicos, em Saragoça, Espanha, e é dedicado a «Autores e textos críticos em espanhol e português».

O V Congresso Internacional da Associação Espanhola de Críticos de Arte e o V Fórum Ibérico de Estudos Museológicos, juntam-se para abordar os contributos daqueles que escreveram trata- dos ou estudos sobre museus no contexto cultural ibérico e latino-americano: des de os pioneiros que, no século XIX e no início do século XX, publicaram comentários sobre museus, até as correntes críticas e autores mais recentes que, na esfera pública contemporânea, são uma referência no es- tado atual dos estudos museológicos.

Inscrição gratuita mas obrigatória: foroibericov@gmail.com

Conheça o Programa

V Fórum Ibérico de Estudos Museológicos

V Fórum Ibérico de Estudos Museológicos

A 22 e 23 de Outubro realiza-se o V Fórum Ibérico de Estudos Museológicos, em Saragoça, Espanha, e é dedicado a «Autores e textos críticos em espanhol e português». A chamada para propostas de comunicação está aberta até 30 de junho (foroibericov@gmail.com).

Depois das inúmeras contribuições sobre a história da crítica dos museus e do sistema artístico no IV Congresso Internacional da Associação Espanhola de Críticos de Arte realizado no MNCARS, e do sucesso do IV Fórum Ibérico de Estudos Museológicos (Porto, 2020), que tratou da evolução da museografia expositiva, ambas as plataformas juntam-se para abordar os contributos daqueles que escreveram tratados ou estudos sobre museus no contexto cultural ibérico, num encontro dedicado ao tema «Autores e textos críticos em espanhol e português». Para além deste âmbito, também poderão ser aceites ensaios de/sobre autores latino-americanos.
Uma primeira sessão será especialmente dedicada aos pioneiros que, no século XIX e no início do século XX, publicaram comentários sobre museus em Espanha, Portugal, ou nos estados ibero-americanos. Outra tratará de publicações e estudos museológicos desenvolvidos desde a fundação do ICOM, e particularmente do ICOFOM, até à mudança de milénio. Uma sessão final abordará as correntes críticas e autores mais recentes que, na esfera pública contemporânea, incluindo a internet ou as redes sociais, são uma referência no estado atual dos estudos museológicos.
A Comissão Científica avaliará as propostas que, uma vez admitidas, serão integradas no programa do encontro. Dos trabalhos aceites e apresentados será feita a compilação em livro, incluindo versão impressa para doação a bibliotecas, e versão digital que poderá ser descarregada gratuitamente: —no site da Associação Espanhola de Críticos de Arte https://aicaspain.org/libros-editados/ —na biblioteca digital do grupo OAAEP https://oaaep.unizar.es/biblioteca-digital/
—no site do IAACC Pablo Serrano http://www.iaacc.es/recursos/publicaciones/

Destinatários

Este Fórum destina-se a investigadores em processo de formação avançada (alunos de mestrado, doutorandos), bem como a doutores em início de carreira académica. Serão bem-vindas as comunicações de membros da comunidade académica de países ibéricos, bem como de pesquisadores de quaisquer outro país que trabalhem temas relacionados com a história e a crítica da museologia ibérica e latino-americana.

Apresentação de propostas de comunicação

As propostas devem incluir um título, resumo (400 a 500 palavras) e nota curricular do(s) autor(es) (até 300 palavras), e devem ser enviadas para foroibericov@gmail.com até 30 de junho de 2021.
Os autores serão notificados até ao dia 1 de setembro de 2021. O programa final incluirá a seleção das comunicações aceites.
Cada comunicação selecionada terá um tempo máximo de apresentação de 15 minutos. Um computador, projetor e microfone estarão disponíveis para quem precisar.
Devido às atuais circunstâncias de saúde pública, caso sejam decretadas restrições de viagens e reuniões que afetem um elevado número de participantes, uma solução remota / virtual será encontrada.
Os oradores que não possam participar presencialmente, devem enviar um discurso gravado de máximo 15 minutos.
Aceitam-se comunicações em português e espanhol.

Calendário

Receção de propostas: até 30 de junho de 2021.
Notificação de aceitação: 1 de setembro de 2021.
Publicação do programa e abertura de inscrições: 6 de setembro a 20 de outubro de 2021.
Receção de comunicações gravadas (caso não seja possível apresentação presencial): até 11 de Outubro de 2021.
Evento: 22 e 23 de outubro de 2021.
Receção de textos para publicação: até 1 de janeiro de 2022.

Comissão científica

Espanha

Esther Alba. Universitat de València
Amaia Arriaga. Universidad de Navarra
Haizea Barcenilla. Universidad del País Vasco
María Bolaños. Museo Nacional de Escultura
Daniel Lesmes. Universidad Complutense de Madrid
Jesús Pedro Lorente. Universidad de Zaragoza
Matteo Mancini. Universidad Complutense de Madrid
Juan Manuel Monterroso. Universidad de Santiago de Compostela Óscar Navajas Corral. Universidad de Alcalá de Henares
Rosa Perales Piqueres. Universidad de Extremadura
Teresa Reyes. Presidenta del Consejo Ejecutivo de ICOM-España Nuria Rodríguez Ortega. Universidad de Málaga

Portugal

Joana Baião. IHA, FCSH, Universidade NOVA de Lisboa; LAM-GM, Instituto Politécnico de Bragança
Helena Barranha. Instituto Superior Técnico, Universidade de Lisboa; IHA, FCSH, Universidade NOVA de Lisboa
Ana Carvalho. CIDEHUS-Universidade de Évora
Clara Frayão Camacho. DGPC; IHA, FCSH, Universidade NOVA de Lisboa
Raquel Henriques da Silva. IHA, FCSH, Universidade NOVA de Lisboa
Susana S. Martins. IHA, FCSH, Universidade NOVA de Lisboa
Lúcia Almeida Matos. IHA, FCSH, Universidade NOVA de Lisboa; Universidade do Porto
Maria de Jesus Monge. Presidenta de ICOM-Portugal. Directora del Museu-Biblioteca da Casa de Bragança

Comissão executiva

Inmaculada Real. Universidad de Zaragoza e María Luisa Grau Tello. IAACC Pablo Serrano; pertence à OAAEP e às associações de críticos AACA, AECA y AICA.

Ensaios e práticas em museologia

Ensaios e práticas em museologia: 01
Org.: Alice Semedo e Patricia Costa
Edição: Universidade do Porto/Faculdade de Letras /Departamento de Ciências e Técnicas do Património
Descrição física: 325 p.
ISBN: 978-972-8932-82-4
Ano: 2011

A Universidade do Porto (com a org. de Alice Semedo e Patrícia Costa) acaba de publicar em formato digital “Ensaios e práticas em museologia: 01”, um conjunto bastante diverso de artigos desenvolvidos a partir de teses de mestrado (e doutoramento), na sua maioria produzidas entre 2008 e 2009. São 14 artigos, quase todos fruto de dissertações realizadas na Universidade do Porto, excepção feita aos artigos de Giles Teixeira (Leicester Museum Studies), Joana Damasceno (Universidade de Coimbra), Ana Carvalho (Universidade de Évora) e ainda, de duas contribuições espanholas: Amaia Arriaga (Universid Pública de Navarra) e Luz Gilabert (Universidad Murcia).

Conforme se refere na apresentação da publicação:

“O volume que agora se apresenta teve como principal motivação a divulgação de alguns estudos de museus já apresentados durante o I Seminário de Investigação em Museologia para os Países de Língua Portuguesa e Espanhola (Porto 2010), em formato de Poster, e que merecem, no nosso entender, uma melhor divulgação. A maior parte destes estudos foram realizados no âmbito das dissertações do Curso de Mestrado em Museologia da Faculdade de Letras da Universidade do Porto, entre 2008 e 2009. Incluem-se, ainda, neste volume, alguns artigos que partem de dissertações de mestrado ou de doutoramento apresentadas noutras universidades e que apoiam esta construção de um campo profundamente inter-disciplinar. Os diferentes textos mostram bem a diversidade dos tópicos de investigação em museologia e, no seu conjunto, materializam diversas visões e orientações da museologia contemporânea, gizando não só um território de profissionais-em-acção mas promovendo, igualmente, espaços reflexivos e de discussão crítica.”

Artigos:

A importância da documentação e gestão das colecções na qualidade e certificação dos museus, Alexandre Matos

Investigar en educación museística: analizando las concepciones de arte e interpretación de la galería Tate Britain, Amaia Arriaga

Profissionais de educação em museus: caso de estudo na cidade do Porto, Ana Bárbara da Silva Magalhães Veríssimo de Barros

Os Museus e o Património Cultural Imaterial. Algumas considerações, Ana R. Carvalho

Museus de ciências físicas e tecnológicas: contributos para a gestão das suas colecções, Carlos Alberto Loureiro

Museu Militar de Bragança – fundação, Emília Nogueiro

Museusicologia: o lugar da música no museu de arte, Giles Teixeira

As salinas de Alcochete: um património a musealizar, Maria Dulce de Oliveira Marques

Ser turista num museu: especificidades de um público, Helena Dinamene Baltazar

Museus para o povo português: O Museu de Arte Popular e o discurso etnográfico do Estado Novo, Joana Damasceno

La política museística municipal en el contexto español : la Red de Museos del Ayuntamiento de Murcia, Luz Gilabert

Os museus e o ensino industrial: percursos e colecções, Patrícia Costa

A heurística do objecto médico, Sónia Castro Faria

Museus Inclusivos: realidade ou utopia? Sónia Santos

O documento está disponível na íntegra aqui: http://ler.letras.up.pt/site/default.aspx?qry=id03id1356id2411&sum=sim