Arquivo de etiquetas: Conservação e Restauro

Estudo pluridisciplinar sobre pintura portuguesa do séc. XV ao séc. XVI chega ao fim

preparações pintura

Damos aqui notícia da finalização do projecto de investigação «As camadas de preparação invisível e a sua influência na pintura portuguesa dos séculos XV e XVI: uma questão a resolver”. No âmbito do projecto procedeu-se à análise científico-laboratorial e histórico-artística de uma centena de pinturas dos séculos XV e XVI, maioritariamente portuguesas, mas também peças de ‘escolas’ espanholas e flamengas. Observaram-se processos de trabalho, a diversidade de práticas, as encomendas e as práticas de oficina durante o Gótico final, o Renascimento e o Maneirismo.

O projecto esteve a cargo de Vanessa Antunes (investigadora principal) a quem se deve a génese do projecto e sua construção, contando ainda com Vitor Serrão (coordenação científica) através do Instituto de História da Arte da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.

Na implementação do projecto participaram vários parceiros: Divisão do Laboratório José de Figueiredo, DGPC, Escola Superior de Tecnologia de Tomar, Centro de Física Atómica da Universidade de Lisboa e Centro Hércules (Universidade de Évora). O projecto foi financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (PTDC/EAT-HAT/100868/2008).

Este tipo de projectos mostra bem a evolução da investigação na área da conservação e restauro que se apoia cada vez mais em técnicas avançadas de análise de materiais. Note-se que sendo um campo recente (do ponto de vista da sua entrada na academia) exemplos como este reflectem a sua consolidação no domínio da investigação avançada. Para além disso, este projecto em particular revela a importância de um trabalho em parceria, que nem sempre fácil, mas compensador na potencialidade dos resultados. Não obstante, permitiu a intersecção de diferentes campos do saber, e sim, a tão desejada pluridisciplinaridade esteve bem presente no desenho e execução do projecto.

O colóquio de encerramento do projecto terá lugar no Museu Nacional de Arte Antiga (Lisboa) nos dias 28 e 29 de Junho. Programa

Revista "Conservar Património", n.º 8

conservar patrimonio 8

Já foi publicado o n.º 8 da revista “Conservar Património”, da ARP – Associação Profissional de Conservadores-Restauradores de Portugal.

Este número é dedicado à publicação de algumas das comunicações apresentadas na conferência internacional “HMC08 – Historical Mortars Conference” que decorreu no Laboratório Nacional de Engenharia Civil (LNEC), Lisboa, entre 24 e 26 de Setembro de 2008.

Índice:

– Patrícia Bruno, Paulina Faria, Earth mortars use on neolithic domestic structures. Some case studies in Alentejo, Portugal, pp. 5-12.

– Martha Tavares, Maria do Rosário Veiga, Ana Fragata, Conservation of old renderings – the consolidation of rendering with loss of cohesion, pp. 13-19

– Maria Fernandes, Earth mortars and earth-lime renders, pp. 21-27

– Mário Mendonça de Oliveira, From Vitruvius’ ceramic powder additives to modern restoration, pp. 29-38

– Sofia Salema, Nuno Proença, Inês Cardoso, Conservation of the historical render in the Church of Nossa Senhora da Assunção in Elvas, pp. 39-47

– Violeta Bokan Bosiljkov, Vlatko Bosiljkov, Roko Žarnic,Application
and properties of pure lime façades – case study,
pp. 49-57

– Myriam Bouichou, Emmanuel Cailleux, Elisabeth Marie-Victoire, Denis
Sommain, Evaluation of compatible mortars to repair 19th century
natural cement cast stone from the French Rhône-Alpes region
, pp. 59-66

– Vasco Peixoto de Freitas, Pedro Filipe Gonçalves, Specification and time required for the application of a lime-based render inside historic buildings, pp. 67-72

Pode encontrar os resumos no site da revista (http://revista.arp.org.pt/pt/revistas/8.html)

Curso: Conservação e Restauro de Documentos Gráficos, 16, 18 , 23, 25 e 30 de Set. 2008

Curso de Conservação e Restauro de Documentos Gráficos

Duração: 20 Horas
Dias: 16, 18 , 23, 25 e 30 de Setembro
Terças e Quintas-feiras: 14h às 18h

Formadora: Inês Correia

Local: Instalações da Escola Superior de Tecnologias e Artes de Lisboa – ESTAL

Plano do Curso e Ficha de Inscrição disponíveis no site: www.iipatrimonio.org – na secção Formação

Mais Informações:
Gabinete de Formação Instituto Ibérico do Património
Contacto: Tel. 210967349 | Tlm. 911989127
E-mail: geral@iipatrimonio.org
Site: www.iipatrimonio.org
Morada: Rua das Fontainhas, 51-sala 2.28 – Parque Industrial da Venda-Nova – 2700-391 Amadora

Formação em Conservação&Restauro

Divulgamos aqui algumas novidades no panorama da carreira de conservador-restaurador. A licenciatura já era conhecida, mas a novidade reside no mestrado, que agora é proporcionado pelo Instituto Politécnico de Tomar.

– Curso de Licenciatura em Conservação e Restauro, mais informações podem ser consultadas em:
http://www.estt.ipt.pt/default.asp?s=6&t=1&n=17

– Curso de Mestrado em Conservação e Restauro, mais informações podem ser consultadas em:
http://portal.ipt.pt/portal/portal/mestradoConserRest

Jornadas da ARP, 30-31 Maio 2008

Nos dias 30 e 31 de Maio de 2008 irão ter lugar as primeiras jornadas da Associação Profissional de Conservadores-Restauradores de Portugal (ARP), dedicadas ao tema “Investigações de Mestrados e Doutoramentos. O evento irá realizar-se no auditório do Museu Nacional de Arte Antiga.

Organização: Associação Profissional de Conservadores-Restauradores de Portugal

Coordenação: Alice Nogueira Alves; Joaquim Inácio Caetano; Vanessa Antunes

Objectivos: Promover a divulgação e conhecimento das investigações de mestrados e doutoramentos por parte de conservadores-restauradores sócios da ARP e contribuir para o desenvolvimento da profissão no nosso país.

Destinatários: Sócios da ARP, profissionais, estudantes e interessados nas áreas relacionadas com o Património Cultural, sua interpretação, recuperação, gestão e valorização: Conservação e Restauro, História, História da Arte, Museologia, Arqueologia, Arquitectura, Turismo Cultural, etc.

Inscrições gratuitas até 25 de Maio através do e-mail: jornadas08arp@gmail.com com as seguintes indicações: nome, profissão, morada, contactos, pretende ou não certificado de participação. O n.º de inscrições é limitado à capacidade do auditório.

PROGRAMA

30 MAIO | sexta-feira

9h30 › Entrega de documentação

10h00 › Sessão de Abertura:
Dr. Paulo Henriques – Director do Museu Nacional de Arte Antiga
Alexandrina Barreiro – Presidente da ARP

1.ª SESSÃO

Prof. Doutor António João Cruz
Instituto Politécnico de Tomar

10h30 › Prof. Doutor António João Cruz – Tema a designar
11h00 › Intervalo
11h30 › Tânia Costa
Síntese de pigmentos segundo os procedimentos descritos em antigos tratados de pintura e sua caracterização – mestranda em Química Aplicada ao Património Cultural, Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa

12h00 › José Mendes
A obra de Nuno Gonçalves – estudo técnico – doutorando em Conservação de Pintura na Escola das Artes, Universidade Católica Portuguesa.

12h30 › Debate

2.ª SESSÃO

Dr.ª Isabel Raposo de Magalhães
Subdirectora do IMC para a área da Conservação e Restauro

14h30 › Frederico Henriques
Fotogrametria aplicada à pintura de cavalete: o processo de monoscopia convergente – doutorando em Conservação de Pintura na Escola das Artes, Universidade Católica Portuguesa

15h00 › Daniela Coelho
O Mobiliário pintado em portugal de finais do século XVII e primeira metade do século XVIII: estudo dos materiais, técnicas e estados de conservação – doutoranda em Artes Decorativas na Escola das Artes, Universidade Católica Portuguesa

15h30 › Ana Fernandes
Estudo de uma tipologia de leques do século XIX – mestranda em Artes Decorativas na Escola das Artes, Universidade Católica Portuguesa

16h00 › Maria do Rosário Marcelino
Património etnográfico – um problema ético de conservação e restauro – mestranda em Conservação e Restauro, Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade Nova de Lisboa e Museu Nacional de Etnologia

16h30 › Debate

31 MAIO | sábado

3.ª SESSÃO

Professor José Aguiar
Faculdade de Arquitectura da Universidade Técnica de Lisboa

9h30 › José Aguiar e Milene Gil
A conservação da pintura mural nas fachadas alentejanas: estudo científico dos materiais e tecnologias antigas da cor – doutoranda em Teoria, História e Técnicas na Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade Nova de Lisboa

10h00 › Rui Bordalo
Caracterização das alterações induzidas por radiação laser de ultravioleta em pigmentos – doutorando no Courtauld Institute of Art, University of London e Instituto de Soldadura e Qualidade

10h30 › Ricardo Triães
Caracterização composicional, tipológica e conservação de materiais cerâmicos da Província da Lusitânia – Materiais industriais – doutorando em Geociências, Universidade de Aveiro

11h00 › Intervalo

11h30 › Alexandra Antunes
Arquitecturas de veraneio no concelho de Oeiras (1880-1940): inventário, caracterização e estado de conservação – doutoranda em Arquitectura/Tecnologias, Universidade Lusíada

12h00 › Leonor Loureiro
European decorative and printing coated papers 1850-1975: their classification for conservation purposes – doutoranda em Paper Conservation no Camberwell College of Arts, University of the Arts London

12h30 › Debate

4.ª SESSÃO

Prof. Doutor Vítor Serrão
Instituto de História da Arte da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa

14h30 › Alice Nogueira Alves
História e teoria – um caminho para a boa prática da Conservação e Restauro – doutoranda em Arte, Património e Teoria do Restauro, Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa

15h00 › Conceição Casanova
Entre as teorias da Conservação e as teorias da profissionalização – Apontamentos para a caracterização da figura do conservador – restaurador na Europa do séc.XX – doutoranda em Teoria, História e Técnicas na Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade Nova de Lisboa

15h30 › Joaquim Inácio Caetano
O tratamento das juntas dos paramentos arquitectónicos e a sua relação com a pintura a fresco do século XVI – doutorando em Arte, Património e Teoria do Restauro, Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa

16h00 › Intervalo

16h15 › Vanessa Antunes
Técnicas e materiais de preparação na pintura portuguesa dos séculos XV e XVI – doutoranda em Arte, Património e Teoria do Restauro, Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e Laboratório de Conservação e Restauro do Instituto dos Museus e da Conservação

16h45 › Elsa Murta
Da materialidade à estética: A talha na Capela de Santo Alberto – mestranda em Artes Decorativas na Escola das Artes, Universidade Católica Portuguesa

17h15 › Debate e encerramento

cartaz-conferencia-conservacao

"Conservar Património", n.º 5, 2007

conservar-patrimonio-5.jpg

Foi apresentado, no passado dia 18 de Dezembro, o n.º 5 da revista Conservar Património.

Conteúdo:

– Apresentação

– José Alberto Seabra Carvalho, Os trabalhos de Luciano Freire por ele próprio: Nota introdutória à edição de um relatório de um restaurador de pintura do início do século XX

– Luciano Freire, Elementos para um relatorio acerca do tratamento da pintura antiga em Portugal segundo notas tomadas no periodo da execução desses trabalhos.

– António João Cruz, Em busca da imagem original: Luciano Freire e a teoria e a prática do restauro de pintura em Portugal cerca de 1900.

Sugestão de Leitura: "Basílica de Nossa Senhora dos Mártires e outras Igrejas do Chiado"

basilica-de-n-s-dos-martires-chiado.JPG

Basílica de Nossa Senhora dos Mártires e outras Igrejas do Chiado
Autores: Cónego Armando Duarte, Professor Doutor Carlos Antero Ferreira, Dr. Vítor dos Reis
Publicação: Fundação Sousa Pedro, 2006. Editado em bilingue (português e inglês)

Descrição: A obra organiza-se em torno de quatro partes essenciais. Na primeira parte apresenta um estudo sobre a Basílica de Nossa Senhora dos Mártires relativamente ao seu enquadramento histórico e artístico e uma segunda sobre as Igrejas do Chiado no contexto da reconstrução Pombalina. A terceira parte inclui um estudo sobre a pintura decorativa do tecto de várias igrejas do Chiado e por fim dedica a última parte à intervenção de Conservação e Restauro na Basílica de Nossa Senhora dos Mártires (Chiado).